Autor dos projetos de criação da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) e da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), o senador Flexa Ribeiro continua seu trabalho para garantir uma educação superior pública e de qualidade no Pará. Desta vez, conseguiu R$ 2.843.662,34 em recursos federais para reforçar o orçamento das universidades federais no Estado. O valor é referente a emenda impositiva de bancada deste ano.

Somente para a Universidade Federal do Pará (UFPA), que tem um maior número de alunos e de campi, o senador destinou cerca de R$ 1 milhão, recurso que deverá se somar ao orçamento anual da instituição de ensino.

Além da UFPA, Flexa conseguiu recursos para a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e para a Unifesspa e Ufopa. “Estamos falando de polos geradores de conhecimento. Instituições de ensino que são fundamentais para o processo de desenvolvimento regional do nosso estado e que precisam da nossa atenção”, enfatizou o senador.

Ufnorpa – Está em tramitação no Senado Federal, o projeto (PLS 107/2013) que cria a Universidade Federal do Nordeste do Pará (Ufnorpa), com sede no município de Bragança e que deverá ser criada por desmembramento da UFPA e Ufra.

De acordo com o senador Flexa, o projeto atende uma demanda histórica da região, que precisa de mais profissionais capacitados. “É preciso que sejam formados profissionais tecnicamente preparados nas diversas áreas de conhecimento científico e, principalmente, com conhecimentos adequados da região, de sua população e suas necessidades. Nesse sentido, a criação de uma nova universidade federal com sede na cidade de Bragança proporcionará importantes mudanças no perfil educacional e socioeconômico de toda a região nordeste do Pará”, justificou o senador.